Instituto Federal de Mato Grosso do Sul abre 1,4 mil vagas em cursos técnicos integrados ao ensino médio de 2020; confira

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) publicou ontem (2) o edital que abre o Exame de Seleção 2020, processo seletivo para ingresso em cursos técnicos integrados ao ensino médio no primeiro semestre do ano que vem.

 

São oferecidas 1.440 vagas distribuídas em 11 opções de cursos nos municípios de Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas.

 

No técnico integrado, o estudante cursa o ensino médio regular e as disciplinas da formação profissional e tecnológica ao mesmo tempo. O diploma possibilita tanto o ingresso na universidade como no mundo de trabalho.

 

edital nº 064/2019, documento com as regras de participação e o cronograma do processo seletivo, está disponível na Central de Seleção do IFMS.

 

Saiba mais sobre os cursos técnicos ofertados:

Agricultura: para quem gosta da vida no campo e de atividades agrícolas. O estudante aprende a planejar, executar e monitorar todas as etapas da produção, da distribuição e da comercialização de produtos.

 

Agropecuária: forma profissional capacitado para atuar em diversas etapas das produções agrícola e animal, além de comercializar a produção, projetar instalações rurais, entre outras atividades.

 

Alimentos: o estudante aprende todas as etapas do processo de produção alimentícia e de bebidas: da aquisição à manutenção de equipamentos ao processamento e conservação das matérias-primas.

 

Aquicultura: voltado para quem pretende trabalhar com o manejo, beneficiamento e processamento de pescado. Dentre outras atribuições, o profissional da área pode implantar sistemas de cultivo, aplicar normas de proteção ambiental, projetar viveiros de aquicultura. – NOVO!

 

Edificações: o profissional pode trabalhar em empresas de construção civil, escritórios de projetos, canteiros de obras, laboratórios de pesquisa ou ser um profissional autônomo.

 

Eletrotécnica: forma o estudante para entender como funciona o sistema elétrico de um simples eletrodoméstico ao de uma complexa usina hidrelétrica, preparando para atividades profissionais na área.

 

Informática: forma profissionais que desenvolvem programas de computador seguindo as especificações da lógica e das linguagens de programação.

 

Informática para Internet: o estudante aprende a desenvolver programas de computador voltados para web, cria interfaces e aplicativos para comércio e marketing eletrônicos e faz a manutenção de sites.

 

Mecânica: o estudante aprende a desenvolver ferramentas utilizadas na elaboração de projetos e desenhos de equipamentos mecânicos, em atividades de cálculos técnicos, orçamentos e especificações de materiais.

 

Metalurgia: o estudante conhece todos os processos de produção nessa área, além de aprender a classificar matérias-primas, controlar a qualidade de processos metalúrgicos, operar equipamentos e prestar assistência técnica no setor.

 

Desenvolvimento de Sistemas: para estudantes que gostam de informática e desejam desenvolver sistemas de computador. O profissional da área pode trabalhar em empresas que atuam com desenvolvimento de sistemas, dentre outras. – NOVO!

 

Novos cursos – A partir de 2020, o IFMS passa a ofertar dois novos cursos técnicos integrados ao ensino médio, ambos no Campus Coxim.

 

O curso técnico em Desenvolvimento de Sistemas terá a primeira turma aberta no lugar do técnico em Informática, que deixa de ser ofertado.

 

Outro curso técnico integrado que passa a ser oferecido pelo IFMS em Coxim é o técnico em Aquicultura, já ofertado pelo campus na modalidade subsequente.

 

Para saber mais acesse as páginas dos cursos técnicos integrados do IFMS.

 

Inscrições – Os interessados deverão se inscrever no Exame de Seleção 2020 entre 12 de setembro e 6 de novembro, pela Página do Candidato da Central de Seleção.

 

Além de ter o ensino fundamental completo até a data da matrícula no IFMS, prevista para janeiro de 2020, o interessado deve ter o Cadastro de Pessoa Física (CPF) em seu nome. O número deverá ser informado na inscrição.

 

Também é fundamental que o interessado leia atentamente o edital do Exame de Seleção 2020 para compreender todas as regras do processo seletivo, cronograma e demais informações de interesse.

 

Em caso de dúvidas, o contato com a comissão responsável pelo processo seletivo é .

 

Ação Afirmativa (cotas) – Metade das vagas do Exame de Seleção 2020 é reservada a candidatos que estudaram em escola pública. Desse total, há cotas para aqueles que comprovarem renda familiar bruta mensal per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio, aos que se autodeclararem pretos, pardos e indígenas, e a pessoas com deficiência.

 

A opção de beneficiário de ação afirmativa (cotista) deverá ser informada no ato da inscrição.

 

Os cotistas deverão comprovar essa condição no ato da matrícula, caso contrário perderá a vaga.

 

Prova – Será aplicada no dia 24 de novembro, nos dez municípios onde o IFMS tem campus.

 

A prova terá 50 questões de múltipla escolha, sendo 20 de língua portuguesa, 20 de matemática e 10 de conhecimentos gerais. Confira o que cai na prova.

 

A previsão é que o gabarito seja divulgado no dia seguinte. O resultado preliminar está previsto para 16 de dezembro. No dia 20 serão divulgados o resultado final e a primeira chamada, com matrículas entre 14 e 17 de janeiro.

 

cronograma completo está disponível na página do Exame de Seleção 2020, onde também estão disponíveis informações sobre os cursos ofertados e provas anteriores do processo seletivo.

 

Vagas ofertadas no Exame de Seleção 2020

Campus

Curso

Turno

Vagas

Aquidauana

Técnico em Edificações

Matutino

40

Vespertino

40

Técnico em Informática

Matutino

40

Vespertino

40

Campo Grande

Técnico em Eletrotécnica

Matutino

40

Técnico em Informática

Vespertino

80

Técnico em Mecânica

Matutino

40

Corumbá

Técnico em Informática

Matutino

40

Técnico em Metalurgia

Vespertino

40

Coxim

Técnico em Alimentos

Vespertino

40

Técnico em Aquicultura

Vespertino

40

Técnico em Desenvolvimento de Sistemas

Vespertino

80

Dourados

Técnico em Informática para Internet

Matutino

80

Vespertino

80

Jardim

Técnico em Edificações

Matutino

40

Técnico em Informática

Matutino

40

Naviraí

Técnico em Informática para Internet

Matutino

40

Vespertino

40

Técnico em Agricultura

Matutino

40

Vespertino

40

Nova Andradina

Técnico em Agropecuária

Integral

80

Técnico em Informática

Matutino

80

Ponta Porã

Técnico em Agricultura

Matutino

40

Vespertino

40

Técnico em Informática

Matutino

40

Vespertino

40

Três Lagoas

Técnico em Informática

Matutino

80

Técnico em Eletrotécnica

Vespertino

80

Gestão Integrada de Fronteiras divulga balanço da Operação Fronteira Segura Pantanal realizada em seis municípios

Entre os dias 29 de julho e 1º de agosto foi desencadeada pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio do Gabinete de Gestão Integrada de Fronteiras e Divisas (GGIFRON/DIV), em conjunto com todas as forças de segurança pública federais, a operação Fronteira Segura Pantanal, em seis municípios da região de fronteira pantaneira de Mato Grosso do Sul. Balanço das atividades foram divulgados ontem (2)

 

Durante quatro dias foram realizadas ações de policiamento ostensivo e preventivo, como blitzes e abordagens, fiscalização em estabelecimentos comerciais, cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão em postos de distribuição de entorpecentes, bem como atividades de polícia judiciária, que tiveram como principal objetivo a redução dos índices de roubos e furtos de residências e de veículos na área urbana dos municípios de abrangência da operação. Ainda foram desencadeadas ações de fiscalização nas rodovias e estradas vicinais de acesso às regiões de fronteira, com pontos de bloqueios, visando o enfrentamento aos crimes transfronteiriços.

 

As ações segundo o secretário executivo do gabinete, coronel Edimilson de Oliveira Ribeiro, que coordenou as atividades, resultaram na abordagem de 8.680 pessoas, 4.515 veículos e 197 embarcações. Ao todo 102 notificações de trânsito foram confeccionadas, 27 veículos removidos para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), 23 documentos recolhidos, 105 estabelecimentos comerciais vistoriados e 28 notificados.

 

Também foram cumpridos 39 mandados de prisão, 55pessoas presas em flagrante e 34 conduzidas à Delegacia de Polícia Civil, além de nove adolescentes apreendidos e 24 mandados de busca e apreensão. As equipes ainda apreenderam 15 armas de fogo e recuperaram seis veículos.

 

Além das forças estaduais e federais de segurança, participaram da operação Fronteira Segura Pantanal as equipes da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira e do 6° Distrito Naval, bem como da Polícia Nacional Boliviana que atuaram conjuntamente com as demais instituições em ações simultâneas nesta região de fronteira.

Plano Diretor será tema de seminário nos dias 3 e 4 de setembro na Associação dos Municípios de MS

Mais um seminário como parte do “CNM Qualifica”  será realizado  no plenário da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande, nos dias 3 e 4 de setembro, destinado a servidores públicos municipais.

 

Promovido pela CNM (Confederação Nacional de Municípios) com apoio da Assomasul, o “CNM Qualifica” tem o objetivo de aperfeiçoar o conhecimento dos servidores em diversos temas de interesse das administrações municipais.

 

A realização de cursos de qualificação é uma das pautas prioritárias da atual diretoria da Assomasul, presidida pelo prefeito de Bataguassu, Pedro Caravina, visando oferecer novas ferramentas operacionais para o aprimoramento da administração municipal.

 

A Assomasul considera o tema “Plano Diretor” fundamental.  “É preciso ficar atento aos processos de modernização e essa qualificação serve para que o gestor público tenha mais capacidade para garantir uma administração mais eficiente”, destacou Caravina, que ao longo do mandato tem proporcionado uma série de cursos sem ônus para as prefeituras.

 

De acordo com o diretor-executivo da entidade, ex-prefeito de Ribas do Rio Pardo, José Domingues Ramos, o Zé Cabelo, este será o sétimo curso de capacitação como parte do programa “CNM Qualifica”.

 

Segundo ele, já foram realizadas seis etapas em Campo Grande, envolvendo temas como “Meio Ambiente”, nos dias 24 e 25 de abril; “Alternativas para o Incremento de Receitas”, dias 29 e 30 de maio; Gestão de Saúde nos Municípios, em 4 de junho;  “Capacitação de Recursos e Plataforma + Brasil”, nos dias 24 e 25 de junho, “Municipalização do Trânsito”, dias 29 e 30 de julho; e “Controle Interno”, nos dias 6 e 7 de agosto.

Universidade Federal da Grande Dourados conquista três dos 10 prêmios do Congresso Nacional de Engenharia Mecânica

O XXVI Congresso Nacional de Engenharia Mecânica premiou os quatro primeiros trabalhos da categoria pôster e os seis primeiros trabalhos da categoria apresentação oral. Dessas 10 premiações, os estudantes e professores da Faculdade de Engenharia (FAEN) da UFGD conquistaram as 3ª e 4ª colocações na categoria pôster e a 5ª colocação na categoria apresentação oral.

Os trabalhos premiados são: “Desenvolvimento e construção de maquete para visualização do escoamento de Taylor-Couette destinado para o ensino e a pesquisa” (3º lugar pôster), de autoria de Henrique Queiroz Rodrigues (estudante), André Yudi Kiatake Kamiya (estudante), Matheus Gomes (egresso) e Augusto Bornschlegell (professor); “Desenvolvimento de uma mesa de corte a plasma de baixo custo” (4º lugar pôster), de Gustavo de Araujo Mota (estudante) e Rodrigo Borges Santos (professor) e; “Análise de vibrações da estrutura de um túnel aerodinâmico para diferentes rotações do motor” (5º lugar apresentação oral), de Pedro Augusto Marques Sanches (estudante), Rodrigo Santos (professor) e Augusto Bornschlegell (professor).

No geral, a UFGD apresentou mais de 20 trabalhos no evento que foi realizado pela Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas (ABCM), de 19 a 23 de agosto, na cidade de Ilhéus (BA). Na programação estavam ciclos de palestras, minicursos e seções técnicas nas quais os estudantes apresentaram os seus trabalhos.

O vice-diretor da FAEN, Augusto Salomão Bornschlegell, explica que o Congresso é tradicional da área e um ambiente propício para divulgação das atividades de pesquisa realizadas nas instituições de ensino superior do país. “Parabéns a todos os envolvidos por representarem nossa instituição! Parabéns a todos os autores dos trabalhos”, desejou o vice-diretor, em nome da Faculdade.

Outras informações sobre o evento estão em: https://eventos.abcm.org.br/creem2019/