Além de luzes, Campo Grande terá intervenções natalinas a céu aberto e show do Mundo Bita e Patrulha Canina

Campo Grande se prepara para reviver a magia do Natal. A partir do dia 10 de dezembro, a cidade estará iluminada e a Prefeitura de Campo Grande prepara muitas atrações culturais e temáticas que prometem alegrar não apenas quem mora na Capital, mas todos que visitarem o município neste período. Com o tema “Reviva o Natal: Campo Grande de Luz, Paz e Alegria”, a proposta é levar aos campo-grandenses um pouco de cada um desses três itens. O show oficial do “Mundo Bita” abre o calendário (10/12) às 18h30, no cruzamento da 14 de Julho com a Afonso Pena. As ações, que seguirão todos os protocolos de biossegurança de prevenção da Covid-19, vão até o dia 26 de dezembro, quando o show oficial da Patrulha Canina encerra a agenda com chave de ouro.

O anúncio da programação do Natal 2021 foi feito ontem (29), em coletiva de imprensa no teatro do Paço. Neste ano, por conta da pandemia, assim como no ano passado, Campo Grande não terá a Cidade do Natal, mas a Prefeitura, por meio do Fundo de Apoio à Comunidade (FAC) e da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), promovem shows musicais, feiras natalinas e diversas atrações. Uma novidade neste ano será uma Árvore de Natal, instalada na Rua 14 de Julho esquina com a Barão do Rio Branco, que libera fragrâncias de perfume no ambiente, viabilizada por meio de parceria com a empresa O Boticário.

Seguindo à risca as normas de biossegurança previstas em decreto municipal, com distanciamento social e controle de lotação máxima, o Natal 2021 reflete o clima de reviver a esperança de tempos melhores.

Para os shows de abertura e de encerramento haverá limite de público de até 1 mil pessoas – por show – e será exigido dos adultos o comprovante de vacinação contra a Covid-19, com pelo menos duas doses. Para que não haja aglomeração na entrada, a Prefeitura organizou a retirada antecipada de 50% dos ingressos, no Paço Municipal ou na Sectur. Os outros 50% serão disponibilizados 2 horas antes do início de cada show. Uso de máscara será obrigatório para os adultos durante o show. Todas as mil pessoas terão assentos em cadeira com distanciamento, para evitar aglomeração.

O prefeito Marquinhos Trad informou que serão distribuídos 500 ingressos dos shows para alunos da Rede Municipal de Ensino e assegurou que serão adotados todos os protocolos de biossegurança. “O Natal em Campo Grande será em um ambiente seguro e controlado. Os shows de abertura e encerramento serão inclusive sentados, todos terão cadeiras, para que não haja aglomeração e possamos garantir o distanciamento exigido pelos especialistas de Saúde. Vamos levar atrações para todas as sete regiões da cidade, inclusive aos distritos de Rochedinho e Anhanduí. O Natal da nossa cidade é feito para todos os 917 mil habitantes, com igualdade e justiça social”.

Estão enfeitadas as avenidas Mato Grosso, Afonso Pena, Rua 14 de Julho, além de diversas rotatórias e pontos de grande fluxo nos bairros. Com foco na sustentabilidade, a Prefeitura reaproveitou, como em todos os anos, materiais utilizados nas edições anteriores, como as mangueiras luminosas de led e armações de ferro.

“Serão 16 dias de muita alegria e beleza na nossa cidade, onde as pessoas terão diversas atrações, tanto para quem prefere algo mais animado com shows dos nossos artistas regionais, quanto para quem gosta apenas de apreciar as decorações natalinas. Com certeza será uma linda festa”, afirma a primeira-dama de Campo Grande e presidente do FAC, Tatiana Trad.

As principais avenidas da cidade estarão decoradas. A Rua 14 de Julho se transformará em uma verdadeira passarela natalina e vai abrigar diversas intervenções de decoração, iluminação, cenografias e personagens lúdicos. As decorações natalinas seguem até a Avenida Mato Grosso.

Mais do que luzes, neste ano a decoração de Natal terá intervenções artísticas a céu aberto no Centro de Campo Grande. Quem passar pela Avenida Afonso Pena poderá acompanhar o teatro vivo de encenação do nascimento de Jesus. Serão quatro atos distribuídos pela avenida.

Todas as noites, a Praça Ary Coelho será palco dos shows de artistas regionais que prometem agitar a região, além de muita pipoca e algodão doce, de graça, para a criançada. Haverá ainda apresentação de coros natalino diariamente próximo ao relógio da 14.  O ônibus City Tour também fará o circuito gratuito, saindo da Cidade do Natal, passando pela área central, Armazém Cultural e finalizando na Feira Central de Campo Grande, onde também terá apresentações musicais e feira natalina.

“Enquanto a Cidade do Natal não fica pronta, Campo Grande poderá celebrar o Natal 2021. A programação está muito interessante, com atrações variadas para toda a família. Pensamos em atrações que ao mesmo tempo encantem e emocionem o público. Os campo-grandenses e turistas ficarão surpresos com o que vem por aí”, destaca Max Freitas, Secretário Municipal de Cultura e Turismo.

Serviço

 

Informações sobre os shows podem ser obtidas no telefone 4042-1313

Após denúncias, Procon/MS autua empresa de ônibus por impedir reserva de passagens interestaduais gratuitas

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), autuou empresa de ônibus de viagem interestadual após fiscalização no terminal rodoviário de Campo Grande, por descumprimento da reserva gratuita de passagens para idosos e jovens de baixa renda.

Após denúncias, os fiscais do Procon/MS coletaram informações no guichê da empresa Andorinha na Rodoviária de Campo Grande, onde foi constatado que as vagas disponibilizadas aos idosos é inferior ao que é previsto na legislação e com isso a empresa está limitando o benefício e inviabilizando o direito assegurado pelo Estatuto do idoso.

 

Também foi averiguado que a empresa de ônibus estava desrespeitando o programa “ID Jovem”, restringindo o benefício a apenas duas vagas semanais em ônibus convencionais por trajeto. Além disso, os beneficiários do programa pleiteavam essas duas vagas semanais não apenas com moradores da região de Mato Grosso do Sul, mas com todas as cidades que estejam no trajeto final de destino.

 

Entenda o que diz a lei da gratuidade

 

As reservas das vagas gratuitas são asseguradas em cada veículo do serviço convencional. A norma diz que são dois assentos por veículo, não por linha. Quando os assentos gratuitos já estão preenchidos, o beneficiário tem direito ao desconto mínimo de 50% do valor da passagem no veículo convencional.

 

O Procon alerta que a empresa prestadora do serviço é obrigada a informar por escrito a recusa na reserva da passagem.

 

As duas primeiras poltronas de cada veículo são reservadas para fins de acessibilidade. Os idosos e pessoas com deficiência têm liberdade de escolher outros assentos, ao lado de familiares etc. É direito escolher qualquer poltrona, conforme sua necessidade e preferência.

 

Quanto aos jovens, o benefício é garantido para quem tem de 15 a 29 anos, está inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e possui renda familiar de até dois salários mínimos, por meio do programa Id Jovem, criado pelo Decreto Federal n° 8.537/2015. O decreto estabelece a reserva de duas vagas gratuitas a jovens de baixa renda nos veículos do sistema de transporte coletivo interestadual ou desconto de 50%, no mínimo, no valor das passagens depois de esgotadas as vagas gratuitas.

 

As denúncias podem ser formalizadas por qualquer consumidor que se sentir prejudicado em sua relação de consumo. Para isso, pode se dirigir à sede do Procon Estadual à rua 13 de Junho 930 e, além disso,  estão disponíveis o telefone 151, o aplicativo “fale conosco” do site www.procon.ms.gov.br e o número (9 9158 0088) para WhatsApp, liberado para contatos.

 

PROCON MS

Educação financeira é estimulada no projeto “Essências” na Escola Estadual Jorge Amado em Chapadão do Sul

Os estudantes criaram as suas empresas, definindo nome, logotipo e captação de recurso com venda de ações, onde os participantes definiram por si próprio os valores das ações

 

Estudantes do Itinerário Formativo 2 – Unidade Curricular IV, turmas D e E, da Escola Estadual Jorge Amado, no município de Chapadão do Sul, com o intuito de vivenciar as técnicas de extração de essências de plantas, produção de cosméticos naturais e as relações de uma empresa, participaram do projeto “Essências”, sob coordenação do professor Marcelo Bruno Pessoa.

Em sala, os estudantes criaram as suas empresas, definindo nome, logotipo e captação de recurso com venda de ações, onde os participantes definiram por si próprio os valores das ações. Foi trabalhado os custos da empresa, incluindo os custos fixos, custo de material direto, custo variável e margem de contribuição. A partir do custo material direto unitário, os alunos escolheram o preço de venda de cada produto.

Técnica laboratorial de extração de óleo essencial

Método em laboratório

Em laboratório, os estudantes puderam aprender as técnicas de extração de óleo essencial. O primeiro método apresentado foi a infusão a óleo quente, onde a mistura da planta e óleo vegetal é aquecida em banho-maria. Para este procedimento foram utilizados arnica e óleo de girassol. A extração foi realizada em duas concentrações, com o intuito de produzir pomada de arnica e óleo de massagem.

O segundo método foi a extração com infusão a frio no álcool, no qual é realizada uma mistura da planta com alguma substância com alta proporção de álcool, acima de 90%. Para esta técnica cada turma usou plantas diferentes. A turma D usou pétalas de rosas, hortelã, alecrim e casca de laranja e a turma E, por sua vez, utilizou lavanda, alecrim, casca de laranja e uma mistura de alecrim e casca de laranja. Ambas usaram álcool 92% para a extração.

O álcool perfumado criado nessa extração será diluído para a produção de difusores de ambientes e perfume. O terceiro método foi a extração pela maceração, onde é realizada uma infusão em óleo frio após a maceração de alguma planta ou pedaço de planta mais duro. Para este método, utilizamos óleo de girassol, cravo e canela. O Projeto, após a confecção de todos os produtos contará com uma feira de vendas. Ao final, as miniempresas serão destituídas e os lucros retornarão aos acionistas.

 

36ª Zona Eleitoral realiza alterações em locais de votação de Campo Grande; medidas valem para eleições 2022

Os eleitores que votam na SELETA (36ª Zona Eleitoral) passarão a votar, a partir das eleições de 2022, no Colégio São Francisco de Educação Infantil e Ensino Fundamental, localizado na Rua 13 de Maio, 4.059, Centro.

 

A Justiça Eleitoral informa, também, a criação de um novo local de votação situado no Colégio Cristão Aliançados, localizado na Rua Pedro Martins, 1001, Vila do Polonês, o qual estará disponível para novos eleitores da região que se alistarem (emitirem o 1º título), e também aos que já são cadastrados. Esses, por sua vez, deverão fazer a solicitação através do preenchimento do formulário disponível no Título Net.

 

Caso haja dúvidas, os eleitores poderão entrar em contato com a 36ªZE através dos canais de comunicação abaixo:

 

E-mail da 36ª ZE: ze36@tre-ms.jus.br

Vestibular 2022 Universidade Estadual: Unidade de Paranaíba oferece 86 vagas para cinco graduações

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Unidade de Paranaíba, oferta 86 vagas em cinco graduações por meio do Vestibular UEMS 2022. As oportunidades são para os cursos de Ciências Sociais, bacharelado e licenciatura, Direito e Pedagogia. Confira a distribuição das vagas:

O curso de Ciências Sociais é noturno, são 4 anos de duração e o diploma é para Bacharelado. No Vestibular UEMS 2022 estão sendo ofertadas 6 vagas para Ampla Concorrência, 2 para Reserva de Vagas para Negros, 1 para Reserva de Vagas para Indigenas e 1 para Reserva de Vagas para residentes de Mato Grosso do Sul; totalizando 10 vagas.

A Unidade de Paranaíba também oferta a opção de Ciências Sociais com diploma para Licenciatura. A graduação é noturna e tem 4 anos de duração. No Vestibular UEMS 2022 estão sendo ofertadas 9 vagas para Ampla Concorrência, 3 para Reserva de Vagas para Negros, 2 para Reserva de Vagas para Indígenas e 2 para Reserva de Vagas para residentes de Mato Grosso do Sul; totalizando 16 vagas.

O curso de Direito na UEMS/Paranaíba é oferecido com opção de aulas no período matutino e noturno, são 5 anos de duração e o diploma é para Bacharelado.

No Vestibular UEMS 2022 para o curso de Direito – Matutino estão sendo ofertadas 12 vagas para Ampla Concorrência, 4 para Reserva de Vagas para Negros, 3 para Reserva de Vagas para Indigenas e 3 para Reserva de Vagas para residentes de Mato Grosso do Sul; totalizando 20 vagas.

Para o curso de Direito – Noturno estão sendo ofertadas 12 vagas para Ampla Concorrência, 4 para Reserva de Vagas para Negros, 3 para Reserva26 de Vagas para Indigenas e 3 para Reserva de Vagas para residentes de Mato Grosso do Sul; totalizando 20 vagas.

A Unidade de Paranaíba também oferece a graduação de Pedagogia – Licenciatura. A graduação é noturna e tem 4 anos de duração. No Vestibular UEMS 2022 estão sendo ofertadas 12 vagas para Ampla Concorrência, 4 para Reserva de Vagas para Negros, 3 para Reserva de Vagas para Indígenas e 3 para Reserva de Vagas para residentes de Mato Grosso do Sul; totalizando 20 vagas.

Somente poderão concorrer as vagas para os regimes de cotas para negros (pretos e pardos) e indígenas candidatos que tenham cursado integralmente o Ensino Médio em escolas públicas.

Clique aqui e confira o edital

 

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, até às 23h59 do dia 20 de dezembro de 2021 (horário oficial de MS), no endereço eletrônico: https://concurso.fapec.org, onde estarão disponibilizados o formulário de inscrição, o boleto bancário e todos os Editais do PSV-UEMS 2022.

Vestibular UEMS 2022

Neste ano de 2022, a UEMS abre 1.191 vagas em 58 cursos, em 14 cidades de Mato Grosso do Sul por meio do Vestibular (PSV). O candidato deverá recolher a taxa de inscrição no valor de R$ 90.

A Prova Objetiva e a Prova de Redação serão realizadas em 08 de janeiro de 2022, das 14h às 19h. Neste ano, assim como na edição anterior, a UEMS inova no sentido de garantir comodidade aos candidatos(as) na hora de realização das provas. Quem reside em alguma das 17 cidades onde serão aplicadas as provas (Amambai, Aquidauana, Campo Grande, Cassilândia, Corumbá, Coxim, Dourados, Glória de Dourados, Ivinhema, Jardim, Maracaju, Mundo Novo, Naviraí, Nova Andradina, Paranaíba, Ponta Porã e Três Lagoas) poderá escolher quaisquer cursos ofertados pelas Unidades Universitárias da UEMS no ato da inscrição.

Num exemplo: inscritos(as) que residem em Cassilândia ou Ivinhema (municípios que tem Unidade Universitária e onde serão realizadas provas), mas tem interesse no curso de Direito ofertado pela UEMS de Naviraí poderão indicar o local onde deseja fazer a prova e selecionar o curso em quaisquer das outras Unidades Universitárias. É muito importante que os(as) candidatos(as) leiam o Edital.

Acesse:  https://concurso.fapec.org/single-edital.php?new_id=135

Black Friday: As pessoas preferiram realizar compras on-line, disse o superintendente do órgão, Marcelo Salomão

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), órgão vinculado à Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), registrou 107 procedimentos durante as ações de fiscalização realizadas nesta sexta-feira (26) durante a Black Friday em Campo Grande.

 

O superintendente Estadual do Procon/MS, Marcelo Salomão, avaliou que durante a Black Friday deste ano houve mais irregularidades no comércio virtual. “Constatamos este ano que as pessoas preferiram realizar compras online. Houve menos compras em lojas físicas. Foram encontrados diversos problemas nos sites de compras. Orientamos a população a redobrar os cuidados ao realizarem as compras online”.

 

No final da tarde desta sexta-feira, o Procon/MS divulgou o balanço final da atividade. Ao longo do dia da Black Friday foram feitas 36 aberturas de reclamações de consumidores, 42 orientações em estabelecimentos comerciais, nove fiscalizações em lojas físicas.

 

Foram lavrados seis auto de infração em lojas físicas e 14 infrações em lojas virtuais. Entre as regularidades encontradas no comércio da Capital, o Procon/MS constatou publicidade enganosa, falta de informação de juros na venda a prazo e falta de produto com propaganda e publicidade ativa.

 

No comércio online, os fiscais do Procon/MS constaram que algumas lojas anunciaram “ofertas de até 90%” como chamariz principal, porém não chegaram a dar nem 30% de desconto. Outra infração foi que grandes lojas, através de aplicativos, anunciavam uma grande oferta e na mesma hora que o cliente clicava não existia mais o produto em estoque para compra.

 

O Procon/MS, em parceria com o Procon Municipal de Campo Grande, realizou ações de fiscalização e orientação no comércio da Capital nesta sexta-feira. A unidade móvel do Procon/MS ficou no centro de Campo Grande para registrar as reclamações da população no local. Também foi realizado fiscalização nos shoppings da Capital.

 

Sindicatos definem horário de funcionamento do comércio, na Capital, durante período de festas de final de ano

O Sindicato do Comércio Varejista de Campo Grande e o Sindicato dos trabalhadores do comércio da capital definiram o horário de funcionamento do comércio durante o período de festas de fim de ano.

Ficou assim estabelecido:

  1. a)  de segunda a sábado de 04.12.2021 a 11.12.2021, até as 20:00 horas;
  2. b)  de segunda a sábado de 12.12.2021 a 23.12.2021, até as 22:00 horas;
  3. c)  dias 05, 13 e 19 de 2021, domingos das 9:00 as 18:00 horas;
  4. c)  Dias 24.12.2021 até as 17:00 e 31.12.2021 até as 16:00 horas, com exceção aos estabelecimentos localizados nos SHOPPINGs e Centros Comerciais localizados nos hipercenters, que prorrogarão no dia 24 das 09:00 h as 19:00    horas e no dia 31 das 09:00 h. as 18:00 horas.

“Os colaboradores do comércio poderão ter suas jornadas de trabalho prorrogadas até o limite de duas, desde que as somas da jornada normal dessas horas não ultrapassem esses horários estabelecidos na convenção trabalhista”, alerta o gerente de relações sindicais da Fecomércio MS, Fernando Camilo.

Campanha “Estamos Quites” oferece descontos e parcelamento na quitação de débitos de energia elétrica

Será lançada nesta segunda-feira, 29 de novembro, às 10 horas, no gabinete da Prefeitura de Campo Grande a campanha “Estamos Quites”, com condições especiais como descontos e parcelamento de contas de energia elétrica em atraso. É uma parceria entre a Energisa MS, o Concen, Procon Municipal de Campo Grande, Associação Comercial de Campo Grande e Defensoria Pública.

 

Até o dia 10 de dezembro os consumidores podem procurar um dos seguintes pontos de atendimento para fazer a negociação: Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG) – em frente à Praça Ary Coelho, Defensoria Pública unidade centro, Procon Municipal, Fácil Aero Rancho, Bosque dos Ipês, Coronel Antonino, Guaicurus, CRAS do Jardim Canguru além de todas as lojas de atendimento da Energisa na sua área de concessão.

 

 “Temos um grande número de famílias endividadas em Campo Grande, pesquisa recente da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), de outubro, mostrou que esse índice já passava dos 65% e o Procon, entendendo que a energia elétrica é um bem essencial e que o consumidor é parte vulnerável, intermediou a formatação desta campanha junto da concessionária. É uma forma de aliviar o orçamento para o início do ano, quando muitas contas se acumulam”, explica a presidente do Concen, Rosimeire Costa.

 

Com a “Estamos Quites”, o consumidor inadimplente terá opções facilitadas de negociação, dentre elas descontos que chegam a até 40%, para quem estiver com mais de 180 dias em atraso e puder quitar seus débitos à vista e a opção de parcelamento do valor no cartão de crédito em até 24 vezes com entrada facilitada.

 

Serviço: Campanha “Estamos Quites” inicia dia 29 de novembro e segue até dia 10 de dezembro, sendo o atendimento físico nos endereços e horários abaixo. Para mais informações ligue 156, opção 2

 

 

– ACICG – Associação Comercial e Industrial – R. 15 de Novembro, 390 – Segunda a sexta – 08h às 17h

– Procon Municipal – Av. Afonso Pena, 3128 – Segunda a sexta – 08h às 17h

– CRAS Canguru – R. dos Topógrafos, 1175 – Segunda a sexta – 08h às 17h

– Defensoria de Mato Grosso do Sul – unidade centro – R. Antônio Maria Coelho, 1668 – 08h às 17h

– Agências Energisa – Segunda a sexta – 08h às 16h

– Fácil Aero Rancho. Av Marechal Deodoro, 2603 – Segunda a sexta – 08h às 16h

– Fácil Bosque dos Ipês. Av Consul Assaf Trad, 4796 – Segunda a sexta – 10h às 12h e das 13h às 19h

– Fácil Coronel Antonino – Rua Santo Angelo, 51 – Segunda a sexta – 08h às 16h

– Fácil Guaicurus – Av. Gury Marques, 5111 – Segunda a sexta – 08h às 16h

Procon sai às ruas da Capital para fiscalizar comércio e proteger consumidor de possíveis fraudes na Black Friday

Campo Grande (MS) – Com a chegada da  data esperada por comerciantes com expectativa de  aumento de vendas  e  consumidores na esperança de  encontrar produtos com descontos “convidativos”, a Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor – Procon/MS mobilizou equipe e estrutura para atendimento mais próximo aos cidadãos e, com isso, encaminhar soluções para possíveis problemas assim que receber as reclamações ou denúncias.

 

O órgão integrante da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho está presente com uma van estacionada na área  central  da cidade, mais precisamente no calçadão da  rua Barão do Rio Branco, próximo à rua 14 de Julho.  Equipe de  servidores, também em ação,  estão realizando visitas em estabelecimentos comercias e, se abordados, atendendo, às demandas das pessoas que, porventura, tiverem reclamações a  fazer.

 

De acordo com o superintendente do Procon Estadual, Marcelo Salomão, “o objetivo da ação, como vem ocorrendo desde anos anteriores, é dar total cobertura às demandas das pessoas que detectarem a ocorrência de problemas na relação de consumo”. Um dos pontos principais é a possibilidade de publicidade enganosa com  divulgação de ofertas  que não são cumpridas.

 

Caso seja necessário, os consumidores podem recorrer, também, ao Procon/MS cujo expediente  continua normal em sua sede à rua 13 de Junho 930 ou se dirigir ao órgão por meio do  telefone 151, do watsapp 67 99158 0888, do  “fale conosco” que integra o site procon.ms.gov.br.