Coronel David se une ao COSSEM-MS para solicitar ao presidente e a ministro 1,8 milhão de doses de vacina

O deputado estadual Coronel David (sem partido) solicitou ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Saúde Marcelo Queiroga, nesta quinta-feira (10), o envio de 1,8 milhão de doses da vacina da Janssen para Mato Grosso do Sul. Esta solicitação reforça pedido feito pelo Conselho dos Secretários Municipais (COSEMS-MS) com objetivo de imunizar toda a população adulta do Estado em tempo recorde.

 

“Mato Grosso do Sul já mostrou ter capacidade de aplicar as doses”, declarou o Coronel David, ao lembrar que as vacinas devem chegar ao Brasil com prazo de validade próximo ao vencimento, dia 27 de junho. “Desde as primeiras fases da campanha de vacinação, o Estado realizou um trabalho muito ágil, eficiente e se destacou entre os melhores do país no ranking da imunização”, disse.

 

O parlamentar comentou ainda que se o pedido for atendido, Mato Grosso do Sul poderá ser objeto de estudo pioneiro do Ministério da Saúde como o primeiro Estado a ter toda a população imunizada.

 

“Apoiamos integralmente o pedido do COSEMS porque temos a convicção da nossa capacidade de aplicar essas vacinas em tempo recorde e ser pioneiros no estudo referente à imunização em massa. Eu confio que conseguiremos”, finalizou.

 

As vacinas da Janssen importadas dos Estados Unidos desembarcam no Brasil, nesta quinta-feira (10), e deverão ser distribuídas e aplicadas em até 14 dias porque estão próximas ao vencimento. Mato Grosso do Sul tem capacidade para distribuir doses entre os 79 municípios no prazo de 12 horas.

 

O imunizante da Janssen é de dose única e com eficácia de até 85% para casos graves da covid-19.

 

Trabalho Sério – Desde o início da pandemia do coronavírus, o deputado estadual Coronel David demonstrou, mais uma vez, estar sensível aos anseios da população de Mato Grosso do Sul. Com emendas, indicações, projetos de lei e articulações constantes junto ao Governo do Estado, o parlamentar conseguiu destinar recursos para o combate à covid nos municípios, garantir a vacinação prioritária de profissionais da segurança pública, ampliar prazo de validade de concursos e dar continuidade a outros certames, além de impedir a suspensão do fornecimento de água e energia elétrica durante 90 dias e dar um fôlego maior para os servidores pagarem seus consignados.

Destaques

Política

Comissão debate recomendações da ONU para Educação

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados realiza audiência pública na próxima sexta-feira (25) para debater o direito à educação, um dos temas objeto das recomendações recebidas pelo Brasil no âmbito da Revisão Periódica Universal (RPU) das Nações Unidas.   A Revisão Periódica Universal é o mecanismo que analisa a situação […]