Procon sai às ruas da Capital para fiscalizar comércio e proteger consumidor de possíveis fraudes na Black Friday

Campo Grande (MS) – Com a chegada da  data esperada por comerciantes com expectativa de  aumento de vendas  e  consumidores na esperança de  encontrar produtos com descontos “convidativos”, a Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor – Procon/MS mobilizou equipe e estrutura para atendimento mais próximo aos cidadãos e, com isso, encaminhar soluções para possíveis problemas assim que receber as reclamações ou denúncias.

 

O órgão integrante da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho está presente com uma van estacionada na área  central  da cidade, mais precisamente no calçadão da  rua Barão do Rio Branco, próximo à rua 14 de Julho.  Equipe de  servidores, também em ação,  estão realizando visitas em estabelecimentos comercias e, se abordados, atendendo, às demandas das pessoas que, porventura, tiverem reclamações a  fazer.

 

De acordo com o superintendente do Procon Estadual, Marcelo Salomão, “o objetivo da ação, como vem ocorrendo desde anos anteriores, é dar total cobertura às demandas das pessoas que detectarem a ocorrência de problemas na relação de consumo”. Um dos pontos principais é a possibilidade de publicidade enganosa com  divulgação de ofertas  que não são cumpridas.

 

Caso seja necessário, os consumidores podem recorrer, também, ao Procon/MS cujo expediente  continua normal em sua sede à rua 13 de Junho 930 ou se dirigir ao órgão por meio do  telefone 151, do watsapp 67 99158 0888, do  “fale conosco” que integra o site procon.ms.gov.br.

 

Destaques

Política

Pais solteiros recebem R$ 4,1 bi em retroativo do auxílio emergencial

Os pais solteiros chefes de família que receberam as cinco primeiras parcelas do auxílio emergencial em 2020 receberão pagamento retroativo. O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta sexta-feira (24) medida provisória com crédito extraordinário de R$ 4,1 bilhões para o Ministério da Cidadania pagar parcelas antigas em dobro após a derrubada de um veto pelo Congresso Nacional […]