Ponta Porã é o 2º município mais rico do agronegócio do MS e o 16º do país com produção de R$ 2,3 bilhões

Ponta Porã é o segundo município mais rico do agronegócio de Mato Grosso do Sul e o 16º do país, com uma produção avaliada em R$ 2,3 bilhões.

 

As informações são de Nota Técnica do Ministério da Agricultura, divulgada na primeira semana de 2022 e os dados se referem à produção do ano de 2020, considerando o valor da produção das lavouras permanentes e temporárias, e pelo Produto Interno Bruto dos Municípios.

 

Foram classificados 100 municípios, a partir do total levantado pelo IBGE, e verificada a posição de cada um em relação ao valor da produção e ao PIB. Como a informação mais recente sobre o PIB municipal é de 2019, usou-se essa referência para fazer algumas classificações.

 

Na relação dos 100 municípios, a liderança de Mato Grosso do Sul é de Maracaju, seguido por Ponta Porã, Sidrolândia, Dourados e Rio brilhante.

 

A maior parte dos municípios com maior valor da produção situa-se em Mato Grosso. Mas os estados de Mato Grosso, Bahia, Goiás e Mato Grosso do Sul, contém a maioria dos municípios classificados entre os 100 mais ricos. O Mato Grosso tem 35 municípios, Bahia 9, Goiás 10, Mato Grosso do Sul 13, Minas Gerais 8, São Paulo 6. Os demais municípios estão distribuídos em Pernambuco (1), Maranhão (2) Pará (4), Brasília (1), Piauí (2), Paraná (4), Tocantins (1) e Rio Grande do Sul (2).

 

Destaques

Política

Pais solteiros recebem R$ 4,1 bi em retroativo do auxílio emergencial

Os pais solteiros chefes de família que receberam as cinco primeiras parcelas do auxílio emergencial em 2020 receberão pagamento retroativo. O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta sexta-feira (24) medida provisória com crédito extraordinário de R$ 4,1 bilhões para o Ministério da Cidadania pagar parcelas antigas em dobro após a derrubada de um veto pelo Congresso Nacional […]