Sanesul investirá mais de meio milhão em obras de abastecimento de água em Três Lagoas

 

O Governo do Estado, por meio da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul), deu ordem de serviço para início das obras de ampliação do sistema de abastecimento de água na cidade de Três Lagoas.

 

Assinado no dia 10 de janeiro pelo diretor-presidente da concessionária, Walter Carneiro Júnior, o contrato prevê investimento de mais de meio milhão de reais no município.

 

Serão executadas obras que totalizam R$ 554.850,00, incluindo a execução de substituição de rede de água em cimento amianto e padronização e ligações, localizada no município.

 

Pelo contrato, a empresa licitada terá prazo de oito meses para entregar as obras de ampliação do sistema de esgoto na cidade.

 

O dirigente ressalta a importância da execução de obras de saneamento tanto em Três Lagoas quanto nos demais 67 municípios nos quais a Sanesul mantém a concessão dos serviços de água e esgoto, como parte do planejamento estratégico estabelecido pelo governador Reinaldo Azambuja e pelo secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

 

Foto: Acom

 

Em novembro do ano passado, Walter Carneiro Júnior autorizou obras de ampliação do sistema de abastecimento de água no município.

 

Ampliação

 

Em novembro do ano passado, Walter Carneiro Júnior autorizou obras de ampliação do sistema de abastecimento de água no município, um investimento de mais de R$ 4,4 milhões.

 

Com recursos do Ministério das Cidades como parte do programa “Saneamento para Todos”, PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento), o contratato totaliza R$ 4.448.000,00 na construção de dois reservatórios, um apoiado em concreto armado com capacidade de 850 m³ e outro enterrado em concreto armado com capacidade 1.300 m³.

 

Os reservatórios vão atender dois sistemas distintos, o Vila Piloto e o Santa Terezinha.

 

Também consta do contrato a implantada uma estação elevatória de água tratada, unidade de tratamento e urbanização.

Destaques

Política

Pais solteiros recebem R$ 4,1 bi em retroativo do auxílio emergencial

Os pais solteiros chefes de família que receberam as cinco primeiras parcelas do auxílio emergencial em 2020 receberão pagamento retroativo. O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta sexta-feira (24) medida provisória com crédito extraordinário de R$ 4,1 bilhões para o Ministério da Cidadania pagar parcelas antigas em dobro após a derrubada de um veto pelo Congresso Nacional […]