‘‘Rei do Parque dos Poderes” retira o baço e luta para voltar a andar; servidores pedem ajuda para custear cirurgia

 

Depois de ser atropelado por motorista que fugiu e não prestou socorro, o cachorro Mago, conhecido como ‘Rei do Parque dos Poderes’, teve o baço retirado e agora luta para voltar a andar. O atropelamento do animal ocorreu na terça-feira (21), quase em frente à TV Educativa, onde vive.

 

Logo após o acidente, Mago foi socorrido por um servidor e levado para atendimento médico em uma clínica da região. O laudo veterinário aponta que o cão sofreu perfuração do baço e uma fratura na coluna.

 

A cirurgia para retirada do órgão foi realizada no fim da tarde de ontem, sem intercorrências, e a da coluna está programada para esta quinta-feira (23).

 

 

Ao todo, somente, os procedimentos cirúrgicos custarão R$ 6,8 mil. Para custear o tratamento, voluntários realizaram rifas, mas até o fim da tarde de quarta-feira, apenas 44% do necessário havia sido arrecadado. Para garantir os pagamentos, eles pedem ajuda de todos que se sensibilizarem com a causa.

 

“Qualquer ajuda é bem-vinda e pode ser enviada para o PIX 19.682.667/0001-40. Agradecemos de coração a todos”, apela uma servidora.

 

O cão perdido que encontrou cuidados

 

Mago apareceu na TVE em novembro do ano passado com as patas traseiras queimadas e em estado lastimável. Servidores providenciaram por conta própria a sua recuperação e o adotaram, passaram a alimentá-lo e oferecer todo afeto possível.

 

Logo conquistou o coração de todos do Parque dos Poderes.

Prefeitura de Dourados realiza, de 3 a 7 de junho, a XXI Semana do Meio Ambiente com foco nas mudanças climáticas

 

A Prefeitura de Dourados, através do Imam (Instituto do Meio Ambiente de Dourados) e do Comdam (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Dourados), realiza entre os dias 3 e 7 de junho a XXI Semana do Meio Ambiente, com o tema “Mudanças Climáticas: pensar globalmente, agir localmente”, com o objetivo de promover a conscientização e mobilização da comunidade em torno das questões ambientais que afetam o planeta e a cidade.

 

“Essas atividades têm o objetivo de educar e sensibilizar toda a comunidade sobre a importância da sustentabilidade e das ações locais no combate às mudanças climáticas. A Semana do Meio Ambiente tem grande relevância, incentiva a reflexão e a ação local frente às mudanças climáticas e reafirma o compromisso da população com a preservação do meio ambiente”, explica o diretor-presidente do Imam, Ademar Roque Zanatta.

 

A programação tem início no dia 3 de junho, com a cerimônia de abertura no Auditório do Bloco I da UNIGRAN às 19h. Autoridades locais marcarão presença para dar início oficial às atividades. Em seguida, às 20h, o Prof. Dr. Charlei Aparecido da Silva, da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), realiza a palestra “Mudanças Climáticas: Impactos sociais, ambientais e econômicos”. O evento é aberto ao público e haverá emissão de certificados de participação.

 

Durante os dias 4 a 7 de junho, a programação se expande com palestras em escolas municipais e estaduais de Dourados, realizadas em colaboração com diversas instituições, incluindo UFGD, UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), Anhanguera, Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

 

Além das palestras, a semana também haverá ecovistas a locais estratégicos para a gestão ambiental e a educação ecológica, como EMBRAPA, Aterro Sanitário Municipal de Dourados, Estação de Tratamento de Água e às coleções e laboratórios da UFGD. Essas visitas vão proporcionar aos participantes um olhar prático sobre como as instituições locais estão trabalhando para mitigar os impactos ambientais e promover a sustentabilidade.

 

A XXI Semana do Meio Ambiente de Dourados é organizada pelo Imam e Comdam, em parceria com a Semed; Ufgd; Uems; Unigran; Anhanguera; Embrapa; Sanesul; Financial; Ibama e Imasul.

Fruto do Moinho Cultural, músico sul-mato-grossense é selecionado para intercâmbio na Orquestra Sinfônica Brasileira

 

Em 2012, quando entrou no Instituto Moinho Cultural Sul-Americano, Valério Garcia Navis dos Reis, tinha 8 anos de idade e nem sequer imaginava que um dia seria selecionado para participar de um intercâmbio com a Orquestra Sinfônica Brasileira, sediada no Rio de Janeiro.

 

 

No Moinho Cultural, desde aquele primeiro dia, ele passou pelo ballet e pelas aulas de tecnologia até chegar à música. E foi nesta última em que ele se encontrou. “Fiz diversos instrumentos e me identifiquei no violoncelo aos 11 anos. A partir de então, iniciei os estudos com o professor Emanuel Teixeira e, no mesmo ano, entrei na orquestra do Instituto”, relembra.

O primeiro contato de Valério com a OSB aconteceu em 2019. Foi nesta época em que ele também teve aulas especificamente com uma professora de violoncelo, a Lisiane de Los Santos. “Desde o início, nunca tive um professor de violoncelo. Aprendi com um professor de violino e agradeço muito a ele por me ensinar o que sabia e ter acreditado em mim”, agradece o músico.

E foi após esse contato que o sonho de tocar com a OSB cresceu (e muito). O primeiro concerto com a Orquestra Sinfônica Brasileira, parceira de longa data do Moinho Cultural graças ao programa Vale Música, foi em 2022, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, um dos principais e mais emblemáticos palcos do país.

“E, agora, estou realizando esse sonho, que é estudar com os melhores músicos do Brasil e tocar com eles. É a realização de um sonho de muito tempo. É uma realização muito grande para mim, como músico, para o Instituto Moinho Cultural, por ter me formado, e também para Corumbá, por ter um corumbaense vivenciando a experiência de estar com a Orquestra Sinfônica Brasileira”, afirma o violoncelista, emocionado.

Valério é o primeiro músico formado no Moinho Cultural a ingressar na residência de longa duração da OSB, que é reconhecida como um dos conjuntos sinfônicos mais importantes do país e tem mais de 80 anos de história. A residência de longa duração tem seis meses e, ao fim, os participantes se apresentam em um concerto, junto com os músicos profissionais da OSB.

O músico corumbaense foi selecionado em um rigoroso processo seletivo, que durou cerca de três meses e que incluiu diversas fases: inscrição, seleção, vídeos e seleção presencial. Puderam se candidatar instrumentistas participantes de orquestras dos polos atendidos pelo Conexões Musicais – projeto de democratização do acesso à música de concerto, realizado pela Fundação OSB desde 2017 e que já promoveu atividades educacionais e culturais em cerca de 30 municípios brasileiros.

Valério é o primeiro músico formado no Moinho Cultural a ingressar na residência de longa duração da OSB, que é reconhecida como um dos conjuntos sinfônicos mais importantes do país e tem mais de 80 anos de história. A residência de longa duração tem seis meses e, ao fim, os participantes se apresentam em um concerto, junto com os músicos profissionais da OSB.

 

Violinista e diretor artístico da OSB, Nikolay Sapoundjiev veio a Corumbá para acompanhar a seletiva. Ele conta que a residência de longa duração existe há sete anos. “O Valério vai, a partir de junho, ser membro da Orquestra Sinfônica Brasileira, vivenciando todo o dia a dia como nosso colega, participando em todos os ensaios, em todos os concertos. Paralelamente, vai ter aulas de instrumento com os nossos chefs de naipe lá. Esperamos que essa experiência agregue muito para a vida dele”, destacou

Circuito de Aulão do MovimentaCG acontece na quinta-feira, dia 23, na Praça do Bairro Panamá, região do Imbirussu

 

O Circuito MovimentaCG, acontece na quinta-feira (23), às 18h, na Praça do Bairro Panamá, na região do Imbirussu. Organizado pela Prefeitura Municipal, através da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), o evento promete reunir muitos participantes em uma noite de atividades físicas e diversão.

 

Para quem se interessar em participar das atividades basta ir até a Praça. Essa é uma oportunidade para os moradores se envolverem em atividades saudáveis e se conectarem com a comunidade.

 

O Circuito MovimentaCG é um projeto que está percorrendo diversos bairros da Capital, levando para as praças e parques uma variedade de modalidades esportivas. Entre as atividades estão: Alongamento e Aquecimento, Ritmos, Zumba, Fitdance e Ritbox.

 

Em 2024, o circuito passará por diversos pontos da cidade, incluindo o Centro Olímpico Vila Nasser, Bethaville, Ginásio Guanandizão, Parque do Sóter, Praça Esportiva Belmar Fidalgo, Parque Tarsila do Amaral, Parque Ayrton Senna e Parque Jacques da Luz.

 

O MovimentaCG tem como missão ampliar o acesso ao esporte e lazer, oferecendo atividades físicas que promovam a saúde, e fortaleçam os laços comunitários. Com a oferta de atividades que atendem às necessidades das comunidades, o programa incentiva um estilo de vida ativo, contribuindo para o desenvolvimento humano e sustentável.

 

As aulas do MovimentaCG são ministradas em 100 locais d, abrangendo 7 regiões urbanas e 2 distritos. O programa já conta com 12.200 pessoas inscritas e realiza mais de 377.761 atendimentos por mês, oferecendo cerca de 43 oficinas de esporte e lazer. Com o apoio de mais de 150 agentes sociais, o MovimentaCG está transformando a vida de milhares de campo-grandenses.

 

Para quem deseja participar, a Praça do Bairro Panamá está situadaa na Rua Palestina, s/n, próximo ao Terminal de Ônibus da Júlio de Castilho. Aos interessados, não perca essa oportunidade de se movimentar, se divertir e contribuir para uma vida mais saudável e ativa.

 

Programação do Circuito MovimentaCG 2024

 

20 de junho – Centro Olímpico Vila Nasser

27 de junho – Bethaville e região

18 de julho – Ginásio Guanandizão

25 de julho – Parque do Sóter

15 de agosto – Praça Esportiva Belmar Fidalgo

19 de setembro – Parque Tarsila do Amaral

21 de novembro – Parque Ayrton Senna

21 de novembro – Parque Jacques da Luz

28 de novembro – Praça do Belmar Fidalgo

Projeto Subea em Ação, com serviços gratuitos para cães e gatos, será realizado nesta terça-feira na Vila Nasser

 

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Subsecretaria do Bem-Estar Animal, realiza mais um Subea em Ação em Campo Grande. Dessa vez a população do Vila Nasser recebe nesta terça-feira (21), das 8h às 11h, a ação que conta com vários serviços gratuitos para cães e gatos.

 

Os moradores do bairro localizado na região do Segredo vão encontrar serviços como: consulta veterinária, vermifugação, medicação para controle de pulgas e carrapatos, microchipagem, encaminhamento para castração de machos e fêmeas e orientações educativas contra os maus-tratos.

 

O programa visa levar os serviços oferecidos pela Prefeitura para população que por algum motivo não consegue levar seu animal até a unidade de atendimento da Subea.

 

A Subsecretaria destaca que nessas ações não é exigido o número do NIS do tutor, somente documento com foto e comprovante de residência.

 

 

Data:21/05/2024

Horário: 8h às 11h

Endereço: CRAS Vila Nasser

Rua Januário Barbosa, 366.

Visitas de roedores podem ser evitadas com medidas simples; Coordenadoria de Controle de Zoonoses orienta

 

Ratos e outros roedores se tornaram parte da fauna das grandes cidades, causando transtornos para os moradores. Contudo, medidas simples e eficazes podem ser adotadas para evitar a invasão destes indesejáveis visitantes.

 

Kelly Godoy, médica veterinária e chefe do Serviço de Controle de Roedores, Animais Peçonhentos e Sinantrópicos da Coordenadoria de Controle de Zoonoses (CCZ), destaca que a principal orientação é quanto o manejo ambiental. “evitar então uma presença de lixos mal acondicionados, acúmulo de lixo doméstico, de matérias orgânicas no quintal, além da limpeza periódica”, diz.

 

Ela ressalta que é necessário também que os tutores de cães e gatos tenham cuidado extra com os alimentos servidos aos animais domésticos. “As rações e petiscos devem ser armazenados em potes ou vasilhas com tampa para que os roedores não sejam atraídos”, comenta.

 

. Outra dica, segundo a veterinária, é evitar que os ratos tenham acesso à residência entrando por buracos ou frestas nas paredes e no telhado.

 

Conforme ela explica, a CCZ faz o monitoramento destes animais e faz o atendimento aos munícipes que estejam enfrentando problemas com a presença destes animais.

De janeiro a abril deste ano foram feitos 313 atendimentos na capital relacionados aos roedores, no ano passado, no mesmo período, foram 314 atendimentos. A região sul da cidade concentra a maioria dos casos com 163 registros em 2024.

 

Tomadas e fios elétricos roídos, odor forte de urina, manchas de gordura próximas às paredes e rodapés indicando um típico “caminho de rato” e barulhos no forro da casa, principalmente a noite quando os roedores costumam ter mais atividade, são sinais da presença dos bichos. Muitas vezes, a limpeza correta do ambiente ajuda a evitar ou acabar com os ratos.A CCZ também atua instalando iscas raticidas nos bueiros e vias públicas que são consideradas áreas prioritárias como corredores gastronômicos, locais de comércio e nas unidades de saúde

 

. As iscas são usadas no controle dos roedores e não como prevenção e são instaladas somente depois que uma equipe identifica a espécie do animal. “Elas são instaladas de forma que sirva de uma forma efetiva para controlar espécies sem pôr em riscos as crianças e os animais domésticos”, complementa a veterinária.

 

Por fim, a profissional faz um apelo à população para que ajude no combate aos ratos “enquanto houver o alimento, o acesso à água e o abrigo, essas espécies permanecerão sempre próximas aos seres humanos”.

 

Qualquer pessoa pode entrar em contato com o CCZ pelos telefones: (67) 3314-5001 // (67) 3314-9504 // (67) 3314-5000 ou  (67) 2020 -1796 (whatsapp).

Prefeitura de Campo Grande realiza 3ª edição da ação Todos Juntos pelo Comunitário com vacinação, cursos e serviços

 

A Prefeitura de Campo Grande realiza na terça-feira (21), a 3ª edição do Mutirão de Atendimento às Associações Comunitárias, “Todos Juntos pelo Comunitário”, que acontece na sede da Subsecretaria de Articulação Social e Assuntos Comunitários (Suasc), entre as 07h30min e 11h30min. A ação pretende atender mais de 150 associações durante toda a manhã levando serviços, atendimento à saúde e cursos de capacitação.

 

Na ocasião serão realizados dois cursos: um deles será o Programa de Capacitação de Líderes Comunitários (Prolic), que busca capacitar as lideranças para uma melhor atuação em atender as demandas dos bairros e comunidades onde residem. O outro curso será de produção de Trufas e Pirulitos de Chocolate, cujo objetivo é oferecer oportunidades para as pessoas terem uma complementação de renda.

 

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) disponibilizará 200 vacinas contra a gripe (Influenza) para serem aplicadas durante o Mutirão. Em parceria com a Faculdade Prime, será oferecido todo o suporte jurídico para os líderes comunitários e orientação contábil disponibilizado pela Suasc.

 

Durante o evento, serão oferecidos serviços como orientação para o planejamento e elaboração de projetos sociais pela Coordenadoria de Planejamento da Suasc; orientação para abertura, alteração e baixa de CNPJ; consulta da situação do CNPJ (ativo ou inativo) para as associações que já possuem; orientação sobre licenças, como o Alvará dos Bombeiros e da Vigilância Sanitária; orientação sobre inatividade nos casos em que não houve movimentação financeira ou patrimonial; orientação básica sobre documentações necessárias para participação em Editais das Emendas Municipais, estaduais ou federais; negociação de débitos na conta de energia elétrica; negociação de débitos na conta de água; entre outros.

 

Curso de Trufas e Pirulitos de Chocolate

 

Estão abertas as inscrições para o curso gratuito de Trufas e Pirulitos de Chocolate, que acontecerá durante o Mutirão. As vagas serão limitadas, com turma de até 40 alunos.

 

A capacitação será realizada no dia 21 de maio, das 07h30 às 11h30, no antigo Shopping Marrakesh, na Rua 25 de dezembro, 924 – 2º andar.

 

A ação reflete uma das metas desta gestão, visando levar capacitação a todas as comunidades de Campo Grande, estimulando o empreendedorismo e a geração de renda. Todo o material necessário para as aulas será fornecido pela Suasc. O curso é prático, ensinando o aluno a fazer as iguarias de chocolate, e no final, será entregue um certificado de participação. As vagas são limitadas, os cursos são gratuitos e as inscrições podem ser feitas pelo WhatsApp (67) 99111-6532.

 

Prolic

 

Com a proposição e o apoio de instrumentos de participação social, a Suasc apresentará a Cartilha de Orientação para as novas lideranças comunitárias das Associações de Moradores e de Clube de Mães do município de Campo Grande.

 

O objetivo é atender as lideranças comunitárias que participaram das turmas do Prolic, bem como aqueles que buscam esclarecer suas dúvidas sobre a regularização, a criação e o desenvolvimento do trabalho comunitário, tão essencial para nossa cidade.

 

Os temas abordados na cartilha foram selecionados para fornecer meios para: Orientação para a organização e regularização das Associações e Clube de Mães; Legislação Pertinente; Rede de serviços públicos. Além disso, os alunos terão todo material disponibilizado.

 

As inscrições estão abertas para todos os interessados em saber um pouco mais sobre o funcionamento de Associação de Moradores e Clube de Mães. Basta acessar o link, preencher o formulário e enviar sua resposta:

 

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScbls7uZDjapGRCJGxksMJikwMlQlkObvD3t5OTT2fDaDHzbQ/viewform?usp=pp_url

Prefeitura de Dourados e CCZ concluem nesta segunda-feira a 1ª fase do Programa Municipal de Castração

 

Nesta segunda-feira (20/5) a Prefeitura de Dourados, através do CCZ (Centro de Controle de Zoonose), realiza o encerramento da primeira fase do Programa Municipal de Castração, onde serão castrados mais de 100 animais no Castramóvel, localizado no Complexo Poliesportivo Jorge Antônio Salomão, o ‘Jorjão’.

 

O Programa de Castração teve início no ano passado em Dourados, com oferta de 886 vagas para castração de cães e gatos machos. Os procedimentos contam com a parceria de duas clínicas veterinárias, onde uma delas oferece também o serviço no Castramóvel.

 

“Desde o início do programa, já foram realizados 771 procedimentos e na próxima segunda-feira, a previsão é de realizarmos 94 castrações felinas e 21 caninas, totalizando 115 procedimentos. Com isso, vamos concluir esta etapa do Programa Municipal de Castração”, explica Priscila Silva, coordenadora do CCZ.

 

A castração acontece ao longo do dia, conforme programação do CCZ. Na ocasião também será realizada uma solenidade de encerramento, prevista para às 10h30, para marcar a conclusão da primeira etapa do programa. Para mais informações basta entrar em contato com o CCZ através do telefone (67) 98163-0640.

 

Encerramento da primeira fase do Programa Municipal de Castração
Data: 20 de maio (segunda-feira)
Horário: 10h30 (solenidade de encerramento)
Local: Complexo Poliesportivo Jorge Antônio Salomão, o ‘Jorjão’
Endereço: Rua Itamarati, 100 – Jardim Água Boa

Evento em comemoração à Semana Mundial do Brincar será realizado no dia 25 no Parque das Nações Indígenas

 

A 10ª edição do evento Deixa Brincar, promovido pela Núcleo Regional da Aliança pela Infância em alusão à Semana Mundial do Brincar, será realizada no dia 25 maio, das 13h às 17h, no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. A UFMS será uma das participantes da ação junto a outras instituições, como o Fórum Permanente de Educação Infantil do Mato Grosso do Sul, a Secretaria Municipal de Educação, o Conselho Tutelar, a Defensoria Pública Estadual, a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, a Universidade Católica Dom Bosco e a Faculdade Insted.

 

O projeto de extensão Histórias, brincadeiras e narrativas infantis, coordenado pela professora da Faculdade de Educação (Faed) Luciene Cléa da Silva, é responsável pela programação da Universidade nesta edição. Entre as atividades propostas estão rodas de leitura, contação de histórias, brincadeiras de roda e outras ações lúdicas que seguem o tema principal do evento Vem para a roda – no ritmo do brincar. 

 

“Também estamos arrecadando livros de literatura Infantil, que serão usados no dia 25 e, em seguida, enviados para crianças do Rio Grande do Sul”, explica a professora. Os livros podem ser entregues até 23 de maio no ponto de arrecadação da Brinquedoteca, localizada no setor 2 da Cidade Universitária, e no dia do evento, no Parque das Nações Indígenas.

 

“Esperamos que este seja um convite para refletirmos sobre o brincar como um direito essencial das crianças e fundamental para uma infância digna, plena, brincante, afetuosa e repleta de encantamentos. Participe conosco, vamos construir juntos esta nova história sobre o brincar e a infância!”, convida Luciene.

 

Além do Curso de Pedagogia, os cursos de Educação Física e Artes Visuais também irão participar da ação, com a promoção de brincadeiras, oficinas de brinquedos e outras propostas divertidas. “Quem tiver interesse em participar, pode enviar e-mail para mais informações”, finaliza Luciene.

 

Mais informações sobre a ação do projeto no 10º Deixa Brincar, clique aqui.