Dia D: Com 82 pontos de vacinação, estudantes de escolas públicas e privadas do MS poderão se imunizar hoje

Alunos com 12 anos ou mais, das redes municipais, estaduais e privadas, nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, poderão se vacinar hoje, 07 de dezembro, dia D de vacinação contra a Covid-19.

 

Lançada no último dia 29 de novembro, a Campanha “Estudante Inteligente Confia na Ciência – Vacine-se!”, tem como foco a busca ativa desses alunos que ainda não se vacinaram.

 

Ao todo serão 82 escolas selecionadas como pontos de vacinação. Campo Grande e Ponta Porã contarão com 03 e 02 locais, respectivamente. Os demais municípios do Estado terão um ponto focal em cada cidade.

 

Para a realização do Dia D, a Secretaria de Estado de Saúde irá disponibilizar os imunizantes Pfizer, mediante demanda das secretarias municipais de Saúde, por intermédio da Coordenadoria Estadual de Vigilância Epidemiológica.

Os alunos que ainda não se vacinaram precisam apresentar os seguintes documentos: CPF ou Cartão Nacional de Saúde (CNS), desde que acompanhado pelos pais ou responsável legal. O adolescente que comparecer desacompanhado, deverá apresentar um dos documentos mencionados, além do Termo de Autorização (disponibilizado pelas escolas) assinado pelos pais ou responsável legal.

A relação completa das escolas da REE que receberão as ações do Dia D de Vacinação pode ser conferida no site da Secretaria de Estado de Educação www.sed.ms.gov.br.

 

Agência de Habitação lança novo modelo de execução do Projeto Lote Urbanizado – Terreno do Cidadão

A Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab), lançou um novo modelo de execução do já conhecido Projeto Lote Urbanizado através do Edital de Convocação publicado ontem (06) no Diário Oficial Eletrônico. Sendo um ótimo investimento habitacional para os parceiros, o formato beneficiará aquelas famílias que não conseguem arcar com todas as despesas da construção do próprio imóvel, mas que demonstram interesse em assegurar este direito.

 

Diferente da prática já exercida em diversos cidades do interior, onde a administração municipal participa com o terreno para a construção das casas, nesse, o proprietário precisa ter a matrícula do lote em seu próprio nome, sem qualquer tipo de construção e livre de ônus (não alienado a qualquer órgão público ou agente financeiro). No caso de possuir contrato de compra e venda, a matrícula precisa estar averbada no terreno.

 

Na nova modalidade, a parceria é entre autarquia e munícipe; o Município não participa com recurso e/ou assistência técnica. Já o Governo do Estado constrói a base da casa até a primeira fiada de tijolos, com fossa séptica e sumidouro, e o cidadão dá continuidade na construção de sua moradia.

 

Os interessados em participar devem se atentar para o cumprimento de algumas normas que já estão sendo executadas de forma genérica, como renda máxima de até R$ 4.685,00 mil.

 

O cadastro é válido somente com a matrícula do terreno regularizada conforme edital. Como requisito, o interessado deve comprovar que pode arcar com a etapa de autoconstrução através da nota fiscal referente a compra do kit material de construção.

 

Lote Urbanizado – Terreno do Cidadão será dividido em duas etapas. Nesta primeira, serão atendidos 100 moradores da Capital. Interessados devem acessar o site www.agehab.ms.gov.br ou procurar a rede de atendimentos Fáceis, unidades General Osório e Guaicurus, a partir de hoje (07) até dia 14 de janeiro para realizar o cadastro no sistema. Após o período, o cadastrado deve aguardar o contato da Divisão de Demanda Habitacional (DDH), da Agência de Habitação.

 

Saiba mais acessando o DOE, página 78, e as Portarias publicadas na última sexta-feira (03) clicando aqui.

Prefeitura de CG e Maternidade firmam parceria para realizar mais de 800 procedimentos eletivos em um ano

Mais de 800 procedimentos eletivos, entre cirurgias e exames ginecológicos e pediátricos, serão realizados nos próximos 12 meses em Campo Grande, através da parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) e a Maternidade Cândido Mariano. A pactuação garante o acesso  do paciente e contribui para reduzir a fila de espera do SUS.

Nesta sexta-feira (03), o secretário municipal de Saúde, José Mauro Filho, e o secretário municipal de Finanças, Pedro Pedrossian Neto, estiveram na maternidade acompanhando o início dos atendimentos.

“A ampliação dos serviços é muito importante, pois assegura que o paciente tenha acesso ao diagnóstico ou ao procedimento cirúrgico de forma mais célere, considerando ainda que os atendimentos eletivos foram diretamente impactados por conta da pandemia de Covid-19”, destaca o secretário José Mauro Filho.

Segundo o médico Daniel Gonçalves de Miranda, presidente da Maternidade Cândido Mariano, as histeroscopias ginecológicas já começaram a ser realizadas e a expectativa é ampliar os atendimentos nas próximas semanas .

“Optamos por iniciar estes procedimentos em específico, mas a nossa intenção e avançar o mais breve possível nas cirurgias para desafogar um pouco a fila e atender estes pacientes que estão há algum tempo aguardando “, diz.

Ao todo, 820 procedimentos devem ser realizados, sendo 80 cirurgias pediátricas, 200 laqueaduras, 180 histerectomias, 60 histeroscopias e 300 procedimentos ginecológicos não invasivos, além dos atendimentos já pactuados em contrato com o hospital. O Município está destinando um aporte de R$940 mil ao hospital.

Equipe de cirurgia da Materinade Cândido Mariano.

Sicredi doa à Prefeitura 500 telhas de fibrocimento para atender moradias destelhadas pelas últimas tempestades

Na tarde da última quinta-feira (2), a Prefeitura de Campo Grande recebeu, no Paço Municipal, 500 telhas de fibrocimento doadas pela instituição financeira Sicredi, que serão destinadas para atendimento emergencial a famílias em situação de vulnerabilidade extrema. Os itens serão direcionados para atender moradias atingidas por tempestades que ocorreram nos últimos 2 meses na Capital.

Equipes da Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários realizaram uma força-tarefa para atendimento imediato, além de campanha para arrecadação de materiais em prol das famílias que tiveram suas moradias destelhadas. O atendimento emergencial da Amhasf começou no dia 18 de outubro, logo após a primeira tempestade com ventos fortes, que levou telhados e causou grandes prejuízos na cidade.

No total, a Prefeitura entregou, com recursos próprios, 1.250 telhas de fibrocimento à população, e também lonas para contenção imediata de ventos até o dia 16 de novembro. Foram realizados mais de 1.000 atendimentos durante esse período, com socorro rápido e eficiente às pessoas em todas as regiões de Campo Grande.

Doação do Sicredi

 

Previsões meteorológicas apontam que o período de chuvas ainda deve se estender pelos próximos meses na Capital. Dessa maneira, é muito importante a doação de materiais como as telhas oferecidas pela gerência do Sicredi, que vão ajudar no trabalho de prevenção a possíveis destelhamentos que possam voltar a ocorrer.

“Chegou em um determinado momento do nosso atendimento emergencial em que ficamos realmente preocupados, pois os materiais estavam em falta junto aos fornecedores. Com essa entrega, agora é possível planejar melhor os próximos atendimentos. As telhas de fibrocimento ficarão em nosso estoque para que, caso haja novas ocorrências (e esperamos, com fé em Deus, que não aconteçam), estaremos resguardados com os materiais necessários para o pronto atendimento às famílias”, explicou a diretora-presidente da Amhasf, Maria Helena Bughi.

Os gestores da instituição parceira Celso Ramos RegisWardes Antonio Conte Lemos, Nikollas Cardoso Guimarães Sanches e Luiz Guilherme Salles Trindade, realizaram a doação dos materiais à Prefeitura de Campo Grande, em nome do Sicredi.

Inscrições abertas para o concurso público da Câmara Municipal de Campo Grande; a Casa oferece 20 vagas

Abre hoje as inscrições (06) para o concurso público para provimento de 20 vagas e formação de cadastro de reserva do quadro de pessoal efetivo da Câmara Municipal de Campo Grande, e podem ser feitas até 23 de janeiro de 2022, sendo que as provas acontecem no dia 20 de março.

 

São 15 vagas para assistente administrativo, com exigência de nível médio e salário de R$ 1.774,10, além uma vaga para assistente social, duas para técnico administrativo e outras duas para tradutor de Libras (Língua Brasileira de Sinais), que exigem diploma de graduação em nível superior nas respectivas áreas, com salário de R$ 3.005,86. Para todos os cargos, a carga horária é de 30 horas semanais. Haverá ainda reserva de vagas para PCD (Pessoas com Deficiência) no percentual de 5%, negros (10%) e índios (5%).

 

Para o cargo de nível médio, o conteúdo da prova objetiva terá língua portuguesa, raciocínio lógico, noções de informática e conhecimentos específicos. E, para os cargos de nível superior, serão avaliados também conhecimentos de língua portuguesa, informática, além de noções de administração pública e conhecimentos específicos. Haverá também prova prática no dia 19 de maio para os cargos de tradutor de Libras.

 

O valor de inscrição será de R$ 90,00 para o cargo de nível médio e de R$ 110,00 para cargos de nível superior. O candidato poderá requerer a isenção da taxa de inscrição, entre os dias 3 e 5 de dezembro, exclusivamente pela internet, por meio do endereço www.selecon.org.br, mediante o preenchimento do formulário eletrônico de solicitação de isenção.

 

As provas terão duração de 3h30 e serão realizadas no dia 20 de março, em locais a serem divulgados por meio de edital no site www.selecon.org.br. No mesmo dia, será aplicada ainda a prova discursiva.

 

Clique AQUI e confira o edital.

Produtos de higiene e limpeza apresentam variação de preços de até 397,59 % conforme pesquisa do Procon

Campo Grande (MS)  – Orientar os consumidores a  economizar quando necessitar adquirir produtos de higiene pessoal e limpeza é o objetivo principal de pesquisa realizada por equipe da  Superintendência pra Orientação e Defesa do Consumidor – Procon/MS, realizada no período de 19 a 30 de novembro findo, envolvendo 17  estabelecimentos comerciais com verificação de preços de 258 produtos, dos quais são divulgados informações de 231, pelo fato dos outros 27 não terem sido encontrados em três ou mais locais.

No decorrer dos trabalhos foram detectadas diferenças de preços que vão de 5,67% a 397,59%, A menor diferença  está no desodorante aerosol Francis de 91 gramas encontrado no Atacadão (avenida Coronel Antonino 3 671 –bairro Morada Verde) por R$ 10,40 enquanto o valor para comercialização no Legal Supermercado (rua Albert Sabin 1 075 – Taveirópolis)  é de R$ 10,99. Já, a  diferença mais considerável (397,59%)) foi constatada no preço do aparelho de barbear Gilette Ultragrip3 – azul . No Assai (avenida Duque de Caxias 3 200 – bairro Santo Antônio) o item é vendido por R$ 2,49 enquanto no Comper (avenida Joaquim Murtinho 975 – Jardim Aclimação) o preço é R$ 12,39.

Do total de itens,  36 apresentaram diferença superior a 100% e, destes, seis foram superior a 200%.

Complementando o trabalho foi estabelecido comparativo entre os valores averiguados este ano e os verificados meses atrás.  Os resultados observados dão conta de que dos 206 itens  comparados, o condicionador Palmolive 350 ml foi o que apresentou menor variação de preços, com alta de 0,10% enquanto o desinfetante líquido Sanol com 2 litros teve acréscimo mais acentuado, ou seja 53,82%. Os que tiveram variação negativa foram 56 com destaque para aparelho de depilação Bic Confort3 com duas unidades cuja redução foi de -45,09%. Apenas u produto não teve variação.

Pesquisa Higiene e limpeza novembro – 2021

 

Comparativo Pesquisa de Higiene e Limpeza agosto/novembro – 2021

 

A 7ª edição da Bonito 21K reúne mais de 2 mil atletas para provas de corrida neste sábado e ciclismo no domingo

A sétima edição da Bonito 21K, que reune mais de dois mil atletas nas provas de corrida e ciclismo, continua hoje (4) e amanhã (5) com provas de corrida e ciclismo. O tradicional evento do calendário esportivo sul-mato-grossense conta com apoio do Governo do Estado, por intermédio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

Em 2020, o evento ocorreu sob rígidos protocolos de biossegurança e foi elogiado pelos participantes. Agora, celebra-se este novo momento de retomada do turismo e de maior tranquilidade, graças à vacinação em massa. “O sentimento é de felicidade e de meta cumprida, com mais um ano de inscrições encerradas previamente. Tenho certeza que a Bonito 21K 2021 será um sucesso, levando um grande movimento econômico para a cidade de Bonito, que sofreu muito durante a pandemia”, destaca a organizadora da prova, Kassilene Cardadeiro.

O diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, comemora a realização de mais uma edição da Bonito 21K. “Os amantes de adrenalina e esporte de aventura já esperam a Bonito 21K, que é modelo na adoção de protocolos sanitários severos. Será mais uma edição com extrema segurança e emoções em um dos lugares mais belos do mundo”.

Criada em 2015, a Bonito 21K integra o esporte com as belezas naturais da cidade e a cada ano tem crescido em número de participantes. A prova investe também em certificações que dão mais segurança aos atletas e atraem corredores e ciclistas de elite. Após se tornar a primeira meia maratona de Mato Grosso do Sul oficializada junto à Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) no ano passado, marca que garante aos atletas participantes a aferição e medição do percurso e a presença de arbitragem especializada para conferência de resultados, neste ano a Bonito 21K terá sua prova de ciclismo arbitrada pela Federação Estadual e pela Confederação Brasileira de Ciclismo, outro feito inédito no estado.

“Estamos muito felizes com essas certificações, pois a Bonito 21K busca com isso aprimorar a parte técnica do evento, oferecendo o que há de melhor para nossos corredores e ciclistas”, comenta Kassilene. Além disso, a edição de 2021 ainda reserva outras novidades. A feira com expositores locais e nacionais estará de volta, após uma pausa por conta da pandemia, haverá premiação por categoria de idade em todas as modalidades do evento, a corrida contará com o “carro-madrinha” (um carro com relógio mostrando o tempo real da prova), que acompanhará o pelotão de elite, entre várias outras. Alguns dos protocolos de biossegurança que garantiram o sucesso da edição 2020 também serão mantidos, como o uso de máscara na largada.

Sobre a Bonito 21K

 

O evento tem como diferencial aliar a paixão pela prática esportiva com as belezas naturais da cidade de Bonito, eleita o melhor destino de ecoturismo do Brasil. A Bonito 21K é realizada no asfalto e tem, além da meia maratona que carrega no nome, percursos de 5 km, 10 km e prova Kids, especial para crianças de 3 a 14 anos. A categoria de ciclismo conta com percursos de 50 e 121 quilômetros. As provas de corrida acontecem neste sábado (4) e as de ciclismo no domingo (5).

Serviço

 

A sétima edição da Bonito 21K teve início nesta sexta (3) e segue até este domingo (5), em Bonito (MS). A realização é da Associação Desportiva Atletas de Cristo (ADAC) e a organização é da Agência H2O Ecoturismo. A Ambiental MS Pantanal patrocina o evento. O Governo do Estado, Fundesporte, Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio (Sectur) e Prefeitura Municipal de Bonito, e Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) são os apoiadores. Mais informações pelo Instagram @bonito21k.

 

8°BPM: Polícia Militar intercepta carregamento com armas e drogas na Região do Vale do Ivinhema

Nova Andradina (MS) –  Hoje (4) por volta das 05 horas da manhã, os policiais militares da Força Tática do 8º Batalhão de Polícia Militar, que integram a Operação Hórus sob coordenação do Comando de Policiamento da Área 1 (CPA-1), prenderam um jovem de  20 anos que conduzia um veículo carregado  com 341 quilos  de maconha.

 

O fato ocorreu durante bloqueio e abordagem na MS-340/BR-267, momento em que foi visualizado um Veículo Nissan prata.

 

Foi dada ordem de abordagem também ao um veículo FORD/F250 de cor preta que desobedeceu às ordens, e empreendeu fuga pela MS-473 sentido cidade de Batayporã. Outra equipe da Força Tática foi acionada e rapidamente logrou êxito em localizar veículo FORD/F250 nos fundos do pátio de um posto de combustível da cidade de Batayporã, porém o condutor não foi localizado. Ao realizar a busca no veículo NISSAN VERSA conduzido pelo jovem, foram encontrados entorpecentes no porta mala, que após pesada totalizou 341 quilos.

Questionado sobre o entorpecente, o autor relatou estar apenas fazendo frete da carga, que não conhece o proprietário do carro nem da droga. Disse ainda ter pegado o carro em um posto de gasolina no município de Dourados e levaria até São Paulo.

Já no outro veículo no FORD/F250 foram encontradas entorpecentes na carroceria, que após pesado, totalizou 1.080 quilos, além de 19 carabinas de diversos calibres; 02 pistolas 9mm; 22 Carregadores tipo caracol duplo; 7 carregadores caracol; 11 carregadores 556; 4 carregadores para submetralhadora 9mm; 02 carregadores de pistola. Após pesada toda a droga totalizou 1.421 quilos de entorpecentes retirados de circulação. Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao autor que foi conduzido até  a delegacia de Polícia de Nova Andradina.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Voo direto: Conexão da Gol entre Bonito e Congonhas potencializa o maior destino de ecoturismo

Investimentos do Governo do Estado na reforma e adequação operacional do aeroporto estadual de Bonito, a política de captação de voos com redução do imposto de combustível e as ações de promoção de Mato Grosso do Sul nos principais mercados emissores de turistas foram determinantes para garantir o primeiro voo de conexão direta da Capital do Ecoturismo com São Paulo. O voo inaugural da Gol Linhas Aéreas aconteceu nesta quinta-feira (02) em grande festividade.

O jato Boeing 737-700 decolou às 12h40 do aeroporto de Congonhas e pousou às 13h40 em Bonito, trazendo 67 turistas, o staff da companhia aérea e convidados (jornalistas e influenciadores). O retorno da Gol prenuncia um novo momento para o turismo do Estado, em especial ao maior destino de ecoturismo do Brasil, estima o diretor-presidente da Fundação de Turismo (Fundtur), Bruno Wendling, que representou o Governo do Estado no evento.

Carbono neutro

 

O voo G3 1492 representa muito mais do que um voo inaugural: nasceu, nesta quinta-feira, a segunda rota 100% carbono neutro do Brasil. A Gol e a parceira MOSS, uma das maiores plataformas ambientais de créditos de carbono no mundo, doam aos clientes e à tripulação presentes nos voos da rota compensação individual da pegada carbônica deixada pelas viagens, neutralizando as emissões totais de carbono nos dois trechos – com direito a certificado

A poucos minutos da aterrisagem, a estação de rádio do aeroporto de Bonito transmitiu uma mensagem ao comandante do voo histórico, piloto Paulo Vasconcelos, desejando boas-vindas a tripulação e aos passageiros. Em solo, o comandante disse que ficou muito sensibilizado com a mensagem inusitada, a qual agradeceu em nome da tripulação. A chegada da aeronave foi um grande acontecimento, com muitos selfies, inclusive entre os colaboradores do aeroporto.

A maioria dos passageiros do voo inaugural tinha programado visitar Bonito em dezembro e aproveitou a nova rota e a promoção da companhia. A carioca Rosana Saldanha veio ao destino comemorar o aniversário da filha e realizar o sonho de visitar o maior destino de ecoturismo. Aguardando o embarque para Porto Alegre, Eduardo Pagliarin, passou cinco dias em Bonito e gostou da nova rota. “Vai reduzir tempo e distância, incentiva a gente a voltar”, disse.

Ação de governo

 

Para Bruno Wendling, da Fundtur/MS, o voo inédito – a Gol fará inicialmente duas frequências, às quintas-feiras e aos domingos – é um marco do acesso para o destino e uma conquista para o Estado, que apostou na retomada do turismo com investimentos em infraestrutura e na promoção do turismo regional. Ele acredita que o retorno da Gol a Bonito vai atrair novas companhias aéreas, com possibilidades de a Azul, que já opera, ampliar seus voos.

Presente a chegada do voo inaugural, o prefeito de Bonito, Josmail Rodrigues, disse que a conexão do destino com o maior mercado emissor brasileiro (São Paulo) é uma grande conquista para o turismo local, concretizada, na sua opinião, porque o Governo do Estado requalificou o aeroporto local para receber grandes aeronaves. “O governo foi decisivo, deu incentivos e o secretário Eduardo Riedel (Seinfra) foi o grande negociador com a Gol”, ressaltou.

Após o desembarque dos passageiros, houve uma rápida e simbólica cerimônia para inaugurar o voo, na sala de embarque, de com a presença do diretor-presidente da Fundtur, Bruno Wendling, o prefeito e o vice-prefeito de Bonito, respectivamente Josmail Rodrigues e Juca Igarapé, e o diretor de Eficiência Operacional da Gol, Mateus Motta. O diretor do Centro de Controle Operacional da companhia, Eduardo Calderon, também realizou o voo inaugural.